Governador abre mais um concurso para a Saúde. E a Educação?

O Governador Agnelo abriu mais um concurso para contratar mais 1500 servidores para a Saúde. Isso é muito bom e o Governador está de parabéns pela iniciativa. Recuperar a saúde pública tem que ser uma prioridade mesmo. O problema é que a Educação está esquecida. No ano de 2011 milhares de alunos ficaram sem aula. Em 2012, caso não convoque professores aprovados em concurso, também vamos ver o mesmo problema.

E aí, Governador, vai convocar professores também ou não?

Clique aqui e veja a notícia sobre o concurso para a Saúde.

 

Washington Dourado

About these ads

79 respostas para Governador abre mais um concurso para a Saúde. E a Educação?

  1. Marta Santos disse:

    A educação do Distrito Federal NÃO pode continuar a ver navios, o nosso governador precisa cumprir suas promessas de campanha, se a saúde está precária, a educação também está na UTI, precisamos agir para que as nomeações dos professores sejam efetivadas ou correremos o risco de vermos o orçamento destinado à educação tomarem outro rumo (a saúde). É evidente que os investimentos pretendidos para a saúde ainda são mínimos, mas na educação, as pretensões são mínimas das mínimas das mínimas…
    Melhorias no ensino público TAMBÉM inclui a NOMEAÇÃO DE CONCURSADOS, e é isso que os aprovados no concurso almejam, como também os pais de alunos que não possuem renda suficiente para colocarem seus filhos para estudarem em escolas particulares dentre outros.

    • Sofhia disse:

      WD,
      Me esclareça uma dúvida: Ao iniciar o ano letivo um contrato assumi a vaga de um efetivo. Quais ações poderiam ser tomadas? E mais: Não teria como entrar com uma ação exigindo que o GDF informasse a quantidade de carências e, quais são temporárias e quais são definitivas? Obrigada!

  2. Marta Santos disse:

    A educação do Distrito Federal NÃO pode continuar a ver navios, o nosso governador precisa cumprir suas promessas de campanha, se a saúde está precária, a educação também está na UTI, precisamos agir para que as nomeações dos professores sejam efetivadas ou correremos o risco de vermos o orçamento destinado à educação tomarem outro rumo (a saúde). É evidente que os investimentos pretendidos para a saúde ainda são mínimos, mas na educação, as pretensões são mínimas das mínimas das mínimas…
    Melhorias no ensino público TAMBÉM inclui a NOMEAÇÃO DE CONCURSADOS, e é isso que os aprovados no concurso almejam, como também os pais de alunos que não possuem renda suficiente para colocarem seus filhos para estudarem em escolas particulares, dentre outros.

    • RAFAELA disse:

      WD a propósito vc saberia nos responder como o GD pretende preencher os cargos das novas creches que estão planejadas para serem inauguradas?

      Está rolando um boato que será contratado uma empresa terceirizada para preencherem os cargos…..

      Será que começou a tereceirização da educação pública do DF?

      Abraço. Se puder tirar essa duvida agradeceremos.

  3. Carla disse:

    Caramba, ate quando vamos só receber pancada deste governo! E o limite da nota fiscal, pra saúde isso não existe!

  4. Esperança disse:

    Cadê os 2.100 da Educação também Governador??

  5. Juliana Barros disse:

    Devemos ressaltar que a educação é uma questão de saúde social que envolve vários fatores tão importantes quanto a saúde física e sem dúvidas merece toda atenção!!!
    Será que o governador não visualiza esse fato???

  6. samuca disse:

    WD o que ficou decidido sobre o salário dos contratos temporário? Acabou a hora aula?

  7. marli disse:

    Sem educação teremos jovens nas ruas praticando crimes , e aÍ governador?

  8. flavio disse:

    Definitivamente o “companheiro Agnelo” não quer saber da educação.
    Pelo andar da “carroça,” não haverá reajustes, plano de carreira,plano de saúde ou nomeações para educação. E agora Sinpro? vai mostrar se está do lado da categoria ou do governo? Março vem aí… será que até lá o companheiro dará um minuto de atenção ao sindicato.
    Agora vou fazer uma crítica: por acaso quando morre um professor o governo adia suas reuniões? diante desse fato, tudo vai ser motivo para que o GDF não se encontre com a categoria. Nas próximas eleições vamos pensar se é bom ou não votar em “cumpanheiro”

  9. Valeu Agnelo! disse:

    O PT nunca viu educação como prioridade!

    • Isso não é verdade. Vamos discutir a Educação no Governo Federal então?

      • Eu trabalho! disse:

        Isso quer dizer que o Agnelo está acima do partido?! Caso contrário, porquê o PT não se manifesta a sociedade (isso mesmo, a sociedade. Não existe a possibilidade de haver uma greve? E a sociedade não precisa saber o porquê?) sobre o assunto ao invés de, talvez, se manifestar em reuniões internas. Se continuar assim, prevalece a tese de que realmente Educação não é prioridade mesmo para esse partido (PT). Outro detalhe é que só mesmo sendo muito tolo para acreditar que o Agnelo ou, até mesmo o Partido dos Trabalhadores, seriam a salvação para a categoria dos professores. Meu partido é dos professores.

      • Totó disse:

        Só não pode incluir o ENEM nesse debate, rs rs rs…

        • Professor em tempo Integral disse:

          Se o HIII!- NEMM! Fosse da SEEDF o problema seria assim criticado: Falta de competência dos professores da rede pública, prejudica o bom andamento da educação…

      • Valeu Agnelo! disse:

        Vamos!

        Pode me falar o que o governo fez na educação básica?

        Vale lembrar que só no Brasil um ministro de educação tão ruim é glorificado pela chefe do estado.

      • Rose disse:

        Desculpe-me, WD…
        Mas é verdade sim!
        No GDF,nenhum dos governadores do PT,priorizou a educação.

    • KEIKE FERRAZ disse:

      Me desculpem, porém não sinto força no SINDICATO(…)!

  10. letícia disse:

    Caro WD,

    Conforme publicado hoje no DODF, algumas exonerações(dispensa) de supervisores começou… Sabe de alguma notícia a respeito. Qual foi o critério usado para as mesmas, sendo que tem escolas de Planaltina com menos de 30 alunos que perdeu o supervisor e também CEF gigantescos. Por favor pesquise e nos informe.

    Grato

  11. Anamara disse:

    WD e aquela entrevista que vc recolheu as perguntas, quando sairá as resposta?

  12. Eva disse:

    A educação no DF vai continuar a “ver navios”.
    Hoje fui pegar medicamento (amiodarona) na farmácia do posto nº 8 de Ceilândia, mas não havia essa medicação. É comum faltar medicamentos nos postos de saúde da rede pública.

  13. morgue disse:

    WD,

    Fiquei sabendo que não haverá nomeações por causa da LRF. Você está sabendo de alguma coisa? E para saúde a LRF não vale neste gorveno , não? Só pode ser falta de vontade politica…

    • Rose disse:

      A pouco tempo,saiu uma publicação no Diário Oficial,que foi aprovado para 2012,a contratação de 2.100 professores.
      Na época,até achei que fosse para um novo concurso,mas em seguida,me certifiquei que eram as nomeações dos aprovados.
      Então,pessoal…não há motivos para não contratarem os professores!

  14. Jefferson disse:

    Parece que o Governador Agnelo é que está barrando a convocação dos concursados da educação (professores e administrativo), pois tanto a Regina quanto o Denilson solicitaram por diversas vezes a convocação e quando a papelada chega na mesa do governador apenas para ser assinada ai tudo vai por água a baixo… Gostaria que o senhor Governador explicasse o porquê disso? Faz parte do projeto de governo não convocar para a educação? O estádio para a copa é mais importante? Ou é só para ser do contra mesmo???

    • professora indignada disse:

      Jefferson,
      Você está certíssimo!!!
      Os secretários não estão conseguindo trabalhar conforme gostariam,pois o nosso nobre governador,não autoriza a contratação dos professores aprovados no último concurso.
      Por qual razão ele age dessa forma???

  15. Anamara disse:

    Em entrevista ao Balanço Geral Governador não menciona a educação em nenhum momento.

  16. Cíntia disse:

    GEnte, foi impressão minha ou hoje na reportagem do Balanço Geral o governador sequer mencionou a Educação??? Estou pasma com tudo isso. Ele falou de todos os problemas do GDF, menos da educação. Eu ein!!!!!!!!

    • Valeu Agnelo! disse:

      O PT só lembra de educação na eleição, afinal são muitos eleitores.

      O Agnelo não só não falou, como deixou claro que educação é precariedade, assim como o PT faz por onde passa.

  17. Nara disse:

    Louvável, porém, educação também precisa desse empenho todo do GDF.

  18. Roque Santeiro disse:

    Acabo de assistir a uma longa entrevista dada ao Balanço Geral pelo governador que,voando de helicóptero fez questão de mostrar as suas realizações neste 1º ano de mandato.Em nenhum momento o tema educação pública foi mencionado,tá certo que às vezes tive que mudar de canal pois não aguento ver um político deste naipe ser bajulado por um apresentador de tv.É certo que,se pipocar uma greve este ano,toda a imprensa escrita e televisiva ficará ao lado do GDF,mais uma vez serei tratado como vagabundo e preguiçoso por alguns apresentadores de telejornais e comentaristas de jornal,assim como em 2009 será uma batalha contra tudo e contra todos por uma mísera reposição de inflação(7%),por mais uma migalha dada às custas de muito sofrimento e reposiçoes aos sábados,além de desconto no meu magrinho salário.Se levar em conta o que aconteceu nas greves da PC e do metrô não poderei esperar por coisa melhor.Tomara que eu esteja 100% enganado e equivocado….

    • FLOR DOS 30... disse:

      Vc ainda tem duvida companheiro, depois da entrevista no balanço geral o governador ta é #$¨&*& e andando pra nós.

  19. Laura-desconvocada disse:

    Mais uma vez participei da manifestação ,hoje! O Agnelo conseguiu mais uma vez humilhar, pisar,omitir os professores aprovados que estão lutando por nomeações!!!Pouco apoio e descaso total !!A mídia não apareceu,MP do DF morreu!!!

  20. flavio disse:

    Só direi que o Governo Federal está comprometido com a educação se aprovar o recurso para 10 por cento, de fato. Dinheiro tem sim!
    é só deixar de colocá-lo no próprio bolso. Outra coisa, por que é tão fácil aumentar salários de senadores, ministros e deputados e tão difícil aumentar investimentos para educação?

  21. roblim disse:

    Para Agnelo o único problemado DF é a saúde e nem isso ele consegue resolver, na proxima eleição vamos eleger um professor pra ver se ele faz alguma coisa pela edcucação, gostaria de fazer uma pergunta, por onde anda Sinpro ? Muito atuante nos outros governos e agora anda tão omisso. Sera porque ?

  22. Oliver. X disse:

    O incrível de tudo é dizer que a Lei de Responsabilidade Fiscal está atingindo seu máximo, engraçado que é só quando o assunto é para a pasta da Educação! Para a Saúde não existe LRF! Só existe essa lei para a educação! Vergonha…tesc… tesc…Eita Agnelo…Olhe para o que você está fazendo…. É muita injustiça com uma categoria já fragilizada, humilhada e mal vista do país…A MÃO DE DEUS É MUITO PESADA!

  23. Altaides disse:

    Governador Agnelo enumera prioridades para o ano de 2012

    O governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, disse em entrevista no programa Balanço Geral, da TV Record, que priorizará em 2012 a saúde pública, a segurança e o transporte no DF.
    Quando questionado sobre a área de saúde, ele afirmou estar ciente dos problemas que a população vem passando na rede pública e disse que está com vários projetos em andamento para melhorar o atendimento à população e pretende construir mais unidades para conseguir suprir a demanda.
    Sobre o transporte público, ele revelou que o “sistema é selvagem”. Segundo ele, essa é uma área muito delicada e que está sendo analisada juntamente com os órgãos responsáveis para que os veículos tenham melhores condições de atender a população.
    Em relação à segurança, Agnelo ressaltou as ações que está implementando nas passarelas subterrâneas do Eixão, onde policiais fazem a ronda durante todo o dia e noite para garantir a tranquilidade dos pedestres.
    Ele ressaltou ainda seu desejo de diminuir a desigualdade no DF e afirmou ter uma meta numérica para este ano, que revelará em breve. Ele disse que investirá mais na qualificação profissional dos jovens e pretende inaugurar 50 creches em tempo integral para que os pais dessas crianças possam trabalhar sem problemas.
    Na área de Esportes ele disse que já entregou oito vilas olímpicas e que dez mil crianças já estão em atividade. De acordo com ele, serão abertas no começo deste ano mais 15 mil vagas. A construção do Estádio Nacional de Brasília foi citada como um dos projetos que tem orgulho.
    Ao final da entrevista, ele confirmou a vontade manifestada pela secretária de Desenvolvimento Social, Arlete Sampaio, em deixar o cargo para retornar à câmara. Agnelo destacou as qualidades da atual secretária, mas disse que respeita a decisão que ela tomar.

    Fonte: Da redação do clicabrasilia.com.br

  24. Professora LP disse:

    WD, você acredita que ainda haverá algumas nomeações neste inicio do ano? Mas isto será uma opinião sua ou algo que ” as antenas captaram”? Abc. Obrigada pelo apoio Sempre!

    • Eu acredito que a necessidade obrigará o GDF a fazer nomeações.

      • susana disse:

        Desculpe, mas descorde de você WD, pois não existem médicos provisórios, mas existem professores provisórios. Então, por que se preocupar???

      • milgrid disse:

        Mas quantas nomeções? tipo 50? só para mostrar no Saiba mais o que o GDf faz? Puxa é deixar qualquer um triste!!

        • Cíntia disse:

          Milgrid ainda bem que por enquanto o teto de contratações temporárias está em 6500. Por este motivo o número de nomeações vai ser maior, o governo estava planejando 750 e o número deve andar em torno disso. Porém ele pode deixar para chamar em março ou abril, pois este número de ct é insuficiente para manter as aulas por um período longo. Como o próprio WD disse seriam necessários 8000 ct. Mas ainda tendo esperança ele pode convocar no inicio de fevereiro.

  25. PROFESSORA POR AMOR!!! disse:

    Os que passarem pela avaliação receberão R$ 14,2 mil (médicos), R$ 5,3 mil (especialista em perfusão), R$ 3,1 mil (técnico de laboratório) e R$ 2,8 mil (técnico de enfermagem) para contrato de trabalho de 40 horas. Mais informações sobre o assunto pelo site http://www.saude.df.gv.br.

    NUNCA TEREMOS A ISONOMIA SALARIAL COM OS MÉDICOS, SERIA DOBRAR A NOSSA FOLHA DE PAGAMENTO.

  26. hp disse:

    O SINPRO não conseguiria conversar com alguém da Secretaria de Educação ou da equipe do governo para saber algo sobre as nomeações? Nossa, tá ficando difícil assim, é muita especulação e nada concreto. Parece que o governador e sua equipe são inatingíveis!
    Ao menos saber se haverá nomeação não precisa especificar quantidade, mas algo que saia da boca de quem está por dentro da coisa…

  27. flavio disse:

    Prezado WD, sei que este tópico não trata de exonerações, mas não posso me calar diante de tanta injustiça.
    Uma diretora lotada em Santa Maria foi praticamente colocada para fora da escola que era responsável e recebeu como justificativa, motivos políticos. Procurou o sindicato e recebeu apenas um sinto muito, ou seja… o nosso sindicato fechou os olhos para as injustiças
    que a Sedf está fazendo com os diretores que não pediram exoneração, as escolas estão sendo tomadas de assalto pelos novos companheiros diretores. Não estou jogando conversa fora, se vc quiser posso provar o que falo. Se isso ofende o Sindicato, então não publique, mas que é verdade é.

    • Meire disse:

      Flávio, o SINPRO não se importa com este tipo de situação,porque
      * quando vc se torna diretor ou vice-diretor de escola, aos olhos do dele(sindicato) deixa de ser professor, mesmo que no fim do mês o desconto da contribuição sindical aconteça como um professor normal;
      *as pessoas que estão assumindo a direção são do PT,ou dos partidos aliados,parentes, amigos dos coordenadores de DRE, que na sua maioria são ex-diretores do Sinpro ou têm ligação com ele.
      Sei disto, porque minha prima foi vice-diretora e passou por uma situação parecida.Saiu de lá muito frustrada e procurou uma associação de diretores para resolver seus problemas.
      Talvez pedir ajuda aos deputados da oposição ajude mais.

      • David Rocha disse:

        Existem muitos diretores que quando assumem a direção se comportam como se não fossem mais professores, ou seja, perseguem professores, fazem de tudo para evitar uma paralisação, tratam os (agora) colegas como se fossem nada.

        Enfim, deveriam lembrar que somos uma categoria forte enquanto diretores e não somente quando seus cargos estão ameaçados.

  28. Cíntia disse:

    Realmente o Governador Agnelo não gosta de educação e não mostra interesse para nenhuma das reinvindicações da categoria. Ele realmente é o responsável por não haver convocações. Mas é impossível manter o andamento das aulas sem convocações. Por isso haverá o mínimo possível de convocações e somente para as vagas não preenchidas pelos ct. Agora aqui no DF é “terra sem lei”? O que o SINPRO pode nos falar a respeito disso? Quais serão nossas ações contra as ilegalidades?

    E mais uma coisa, é verdade que para as creches haverão apenas funcionários em regime de ct? Você sabe alguma coisa a respeito disso WD?

  29. professora sim, com muito orgulho! disse:

    Não estou noDF, mas acompanho este blog todos os dias para me manter atualizada, e é muito triste ver que mais uma vez o governo do PT, que tanto prometeu melhorias na educação, que se for ver direito, foram os trabalhadores em educação que o ajudou e muito a chegar onde está agora não ligar a mínima para nós. Será que a mesma novela da gestão anterior do PT vai se repetir no DF? Será que desta vez teremos um sindicato pronto pra lutar por sua categoria ou mais uma vez veremos um sindicato omisso e governista? No ano de 2011 a atuação do Sinpro deixou muito à desejar, eu vi vários amigos de anos de filiação se desligarem do sinpro por não mais acreditar nos diretores que hoje estão a frente do nosso sindicato. Espero de coração, que tenhamos uma outra imagem esse ano, que possamos acreditar nas pessoas que estão ai pra lutar conosco e que os interesses desse sindicato não tenham mudado tanto a ponto de só lutar por cargos comissionados no governo. Desculpem o meu desabafo, mas é muito triste, depois de quase 20 anos de secretaria de educação ver e viver um momento tão negro como estamos hoje.O que será da nossa categoria daqui a 5 anos? Será que estamos caminhando pra extinção do ensino público?

    • Roque Santeiro disse:

      Meu caro, extinção não,terceirização sim!!!O neo-liberalismo do PSDB é o mesmo do PT,só muda a cor da camisa.

  30. NOMEAÇÕES JÁ! disse:

    WD…
    Concordo com o colega acima. Será que o SINPRO não tem interesse de saber se haverá nomeações?? O SINPRO não tem como ligar, perguntar, cobrar?? Este não seria o momento de estar verificando isso???

  31. juliana disse:

    Que venha a greve em Março!!!

  32. jaqueline(desconvocada) disse:

    retirado do blog professoresaprovados2010

    Hoje dia 20/01, faz 1 ano que fomos convocados e desconvocados.
    Como forma de protesto, fomos para frente do Buriti com faixas, bolo e balões.
    A Comissão teve a oportunidade de conversar com o Sr. Secretário Adjunto de Administração e colocamos aqui alguns pontos importantes da reunião:
    – A Secretaria de Educação, junto com a Secretaria de Administração e Orçamento estão se reunindo constantemente para fechar o quantitativo de professores que serão necessários para o ano de 2012. Por causa da LRF, ja se sabe que não será possível chamar todo o quantitativo necessário de professores, mas estão estudando os dados para chamar o máximo possível. No início de fevereiro terão uma ideia do quantitativo de professores, mas somente no fechamento do 1° quadrimestre é que se terá um número mais exato.
    – Provavelmente haverá nomeações, mas ainda não se sabe quantos e nem quando.
    – Provavelmente os professores temporários terão a remuneração equiparada ao de um professore em início de carreira.
    – O concurso provavelmente será renovado.
    – A opinião pessoal do Secretário Adjunto de Administração é que para as novas creches que serão entregues, é que essas deveriam ser ocupadas por empresas terceirizadas, pois não se tem orçamento para se nomear professores para essas escolas. Mas ainda não se tem uma posição do Governo.
    – Caso o teto da LRF seja atingido, a única forma possível de se nomear professor é substituindo os professores falecidos e aposentados por concursados, mas isso não é obrigatório e sim possível.

    • jane disse:

      Resumindo haverá nomeação de alguns gatos pingados, que nem de longe resolverá o problema. E como sempre o dinheiro que seria utilizado para contratar 2100 professores ,como no ano passado será todo transferido para outros setores certamente “BEM MAIS IMPORTANTES” que a educação. É revoltante!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

  33. Eli disse:

    WD vc bem que poderia tentar algum contato para pegar informações sobre as nomeações este ano. Obrigada!

  34. milgrid disse:

    Meu DEUSSSSS, Ele vai pegar o dinheiro que a LOA aprovou para contrataçao dos concursaDOS, para fazer gracinha e chamar mais da saúde e nós vamos ficar vendo navios de novo!! Ele tomou birra pela educaçao só pode. quer ver todos ignorantes!!

    • professora indignada disse:

      Pois é,Milgrid!
      A LOA para 2012,já aprovou 2.100 contratações de professores.Saiu no Diário Oficial.
      Também foi aprovado outras 200 vagas para Orientadores,que desde 2006,não há concurso nessa área.
      Vamos lutar para que cumpra-se a lei!!!
      Quem esse governador pensa que é???FIDEL?
      Está mais para um DITADOR,do que para um governador eleito pelo povo para cumprir com o prometido.

  35. Renato disse:

    Pontos que o Sindicato tem que defender nas reuniões para construção da portaria de distribuição de turmas:

    1- Prioridade para professor concursado no componente curricular pleiteado sobre o professor habilitado independente de pontuação.
    2- Retirar a prioridade dos professores deficientes na escolha de turmas, mas garantir a acessibilidade às turmas escolhidas por eles.
    3- A pontuação do tempo de serviço deveria ser multiplicada por 12 (professor graduado), 14 (professor especialista), 16 (professor mestre) e 20 (professor doutor)
    4- A soma da pontuação dos títulos de especialização nunca ultrapassar a de um título de mestre ou doutor.
    5- Priorizar os professores que realizaram curso de qualificação nas áreas de Educação Infantil e Alfabetização.
    6- Formação oferecida pela EAPE ter pontuação superior a oferecida por outros órgãos.
    7- A Eleição do coordenador deve ser realizada antes da distribuição de turmas e que o coordenador possa escolher a turma de acordo com sua pontuação, de modo a garantir que caso ele saia da coordenação possa retornar a turma escolhida originalmente.
    8- Os professores que fizeram a formação para as turmas de correção de fluxo e que atuaram nessas turmas em 2011 tenham prioridade de escolhê-las em 2012.
    9- Coordenadores de Educação Integral que atuaram em 2011, poderem continuar em 2012 sem necessidade de eleição.
    10- Garantir que as atuais direções que tenham exercício definitivo na escola, possam escolher turmas em razão da eleição ocorrer no meio do ano.
    11- Nas escolas que possuam anos iniciais e finais, o professor concursado só possa migrar de sua área de concurso para a área de habilitação se não houver carência em sua área de concurso.

    Essas algumas sugestões que nós professores discutimos na nossa escola, mas como a secretaria não colheu sugestões, espero que o SINPRO faça.

  36. carlos disse:

    eu acho que a educação tá superbem também, concordo com o “governador”.. a educação só vai mostrar a sua verdadeira cara quando nós criarmos vergonha na cara e deixarmos de fazer as festas pra arrecadarmos dinheiro pra taparmos buraco na escola, não fazermos também as centenas de bazares para “fazer uma comprinha” e esse tipo de coisa.. enquanto estivermos ajudando a tapar o sol com a peneira vai ser isso aí

    • Claudia disse:

      Perfeito, Carlos…
      Enquanto a equipe escolar correr atrás para contornar os furos e absurdos gerados pelo descaso do governo, as coisas não mudam porque como disse o velho ditado: “Enquanto existir cavalo, São Jorge não anda a pé.”.
      Tem mais uma coisa que muito me intriga….vamos ver se concordam comigo…
      Me perdoem a liberdade de expressão e a sinceridade mas, “cada povo tem o governo que merece”…sabem porque falo isso?
      Porque sendo a educação um direito SUBJETIVO dá à sociedade do DF o direito e obrigação de exigir que esse DIREITO SUBJETIVO seja respeitado e ofertado mas, o que os pais de alunos fazem? Nada!
      Em meio a milhares de alunos que compõem a rede educacional do DF, quantos pais e mães de alunos vemos na mídia reivindicando professores e/ou decência na oferta de educação em Brasilia?
      Penso que seria esse o “caminho das pedras” porque é o povo que elege mas, se esse mesmo povo elege e passa 4 anos vendo as coisas erradas e se acomodam, resta o que para nós?
      Vocês concordam?

  37. Luciano Marim Lopes Bogalho disse:

    O que será que os profissionais da saúde doaram para terem tamanho privilégio? Acredito que não foi sangue, suor e lágrimas.

  38. roblim disse:

    Por que a lei de responsabilidade fiscal só existe prá educação ?

  39. Prof. Joelton disse:

    O governo tem feito diversos investimentos na área da saúde porque se sente constrangido quando a mídia mostra a situação precária de nossos hospitais, todavia, o mesmo não acontece com as nossas escolas sucateadas, para o GDF parece que está tudo ótimo e, assim, as autoridades pouco se preocupam conosco.

    • Claudia disse:

      Oi Prof. Joelton,
      Suas palavras vieram a acrescentar minhas colocações acima para o Carlos.
      Penso que a saúde se tornou prioridade para o AGNULO exatamente por isso…porque a sociedade coloca a boca no trombone quando se trata de maus tratos, de falta de atendimento, de baixa qualidade na saúde pública mas, quantas vezes vemos pais de alunos na mídia, tornando público o descaso do GDF com a educação e formação de seus filhos?
      Por isso penso , infelizmente, que os maiores responsáveis pela permanência dessa atitude absurda do governo em deixar a educação na UTI sejam exatamente os pais de alunos, que se acomodam e se acovardam mediante uma situação tão absurda.
      Vc não acha?

      • susana disse:

        É só deixar os filhinhos deles sem aulas por um bom tempo, que rapidinho os pais vão pra mídia… O pior é que com certeza, irão para a mídia para falar mal da classe, como já vi muitas vezes, xingar de vagabundos e irresponsáveis. Nossa! Eu nunca vi profissão mais sofrida e injustiçada!!!

  40. NOMEAÇÕES JÁAAAAA disse:

    Será que o SINPRO não tem interesse de saber se haverá nomeações?? O SINPRO não tem como ligar, perguntar, cobrar?? Este não seria o momento de estar verificando isso???

    • Leonelle,

      Você acha que é assim, basta ligar lá no Governo e ficar sabendo? Não, não é. E saiba que não existe uma única reunião em que os diretores do Sinpro não cobram as nomeações. O Sinpro, aliás, antes mesmo de você sonhar em ser professora já lutava pela nomeação de concursados. Agora, o que não vamos fazer é atropelar a nossa pauta e coloca este ponto como único justamente em um momento em que estamos lutando pelo plano de carreira.

      E esta de ficar difamando o Sinpro eu acho que não ajuda em nada.

      • David Rocha disse:

        Valeu WD, tudo tem seu tempo e limite.

      • Nomeações já disse:

        Bem acredito que quem ler entenderá que não difamei o SINPRO! E acredito que ser grosso não resolve muita coisa, pq se vc verificar não sou grossa com ninguém em meu posts, muito pelo contrário, vejo inúmeros posts de ofensas,etc, e não vejo vc sendo rispido assim! Quanto as lutas do Sinpro, vc está corretissimo, eu não as conheço a fundo. No mais obrigada pela sua atenção em responder meu post mesmo que de forma não muito educada!

        • Realista disse:

          O que estou entendendo é que vocês estão tentando transformar a luta pelo plano de carreira em uma luta pelas nomeações e isso não é legal.

          Nós temos um objetivo claro: aprovação do plano de carreira e o cumprimento das promessas que o governador fez a essa categoria. Eu avisei que vocês estavam forçando a barra e me disseram que não precisam dos professores efetivos para garantir as nomeações.

          Quero ainda repetir que não entraremos de greve somente pelas nomeações e esse ponto “nomeações” não é o carro chefe da nossa luta.

      • Professora consciente disse:

        WD,

        Sem querer tomar partido,não posso me calar diante de seu comentário…
        Nossa colega acima,em nenhum momento,difamou o SINPRO!Houve apenas alguns questionamentos,que creio eu,sejam os mesmos da maioria dos professores.O problema,é que a maioria,se cala!
        É no mínimo,estranho,o SINPRO não ter conhecimento de nada em relação a esse assunto tão polêmico:Convocação dos Aprovados/2010.
        Se o sindicato encontra-se no mesmo patamar de informações que todos os demais profissionais da área.Creio que não está adiantando muito termos um sindicato que defenda nossos interesses,não é verdade???
        Desculpe-me a sinceridade,mas há coisas que precisam ser ditas.

  41. Nomeações já disse:

    Nossa pq não publica meu post??

  42. Quero saber quando será a próxima passeata em prol dos desconvocados ? Lutar sempre !!!

  43. paul disse:

    -Os contratos temporários de 2011 foram chamados a ser apresenta nas regionais na proxima semana.
    -É a primeira vez em muitos anos que os concursados não chamados para tomar posse em Janeiro.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 14.582 outros seguidores