Resposta ao leitor: defendo o fim do interstício

31/10/2010

Hoje recebi este questionamento de um leitor deste blog:

” CONTRATO É PARA TRABALHAR EM CASOS EXCEPCIONAIS E DE URGÊNCIA, TAIS COMO: AFASTAMENTO DE CONCURSADO POR MOTIVO DE LICENÇA E DE PROCESSO ADMINISTRATIVO EM CURSO; QUANDO NÃO HÁ CANDIDATOS APROVADOS EM CONCURSO PÚBLICO E O SERVIDOR FALECE, PEDE EXONERAÇÃO, É DEMITIDO, ETC. É NESSES CASOS QUE SE DEVE FAZER A CONTRATAÇÃO DE TEMPORÁRIOS E ALÉM DISSO, TRABALHAR COMO CONTRATO POR MAIS DE DOIS ANOS CONSECUTIVOS CARACTERIZA VÍNCULO EMPREGATÍCIO!!! É POR ISSO QUE ELES QUEREM MUDAR A LEI! Esse é o 1º passo pra terceirização da Educação! Washington pq vc tá lutando contra os servidores públicos?”

Minha resposta:

Prezado,

O que eu defendo mesmo é a nomeação de concursados para todas as carências da Secretaria de Educação. Entretanto, enquanto houver professor contratado temporariamente, defendo que eles tenham os mesmos direitos básicos dos professores efetivos. Era assim até a chegado do Governo Arruda.

Quanto ao fato de eu defender o fim do interstício, penso que não é justo deixar mais de 6000 professores que estão trabalhando hoje sem a possibilidade de concorrer para o período de 2011. E penso que isso não significa garantir a estes professores a efetivação para um cargo que só pode ser preenchido por concurso específico.

Dourado

Resposta do Jademar

“O contrato é “TEMPORÁRIO” << esse nome já diz tudo!Ou seja, o educador que assina o contrato já sabe desde o início que o serviço é TEMPORÁRIO, ele tem 1 ano, às vezes, 2 pra planejar seu futuro profissional! JUSTO é que o contrato seja cumprido! O contrato tem o tempo de 1 pra evitar o uso da máquina como cabide de emprego dos afetos dos governadores e deputados!Não satisfeitos com os cargos comissionados de chefia e de direção (onde eles penduram nos cabides seus afetos e “laranjas” sem qualificação) Eles ainda querem os cargos que DEVERIAM SER OCUPADOS POR SERVIDORES CONCURSADOS? O que é isso? OBRIGADO PELO ESPAÇO!”


Recorde do Blog

29/10/2010

Pessoal,

Estou muito feliz com este espaço. É que hoje batemos o recorde de visitas. Hoje tivemos mais de 12o0 visitantes únicos. Que bom!  E me ajude a divulgar este espaço!


Visite o blog da Escola Classe 16 de Sobradinho

29/10/2010

Caríssimos (as),

Visitem o blog da Escola Classe 16 de Sobradinho! É uma ótima iniciativa!

http://escolaclasse16sobradinho.blogspot.com/


É quase novo Governo na Educação

29/10/2010

Domingo é dia de eleição. Na segunda-feira começa o período de Transição. A partir daí as decisões na Secretaria de Educação já começará a sofrer influência da nova gestão. Estou ansioso para saber como ficará a política educacional do DF nos próximos 4 anos.

Vamos aguardar!


Jantar dos professores com Agnelo foi adiado

29/10/2010

Por orientação do Jurídico o jantar dos professores foi adiado. Os convites continuam valendo e o evento deverá acontecer na próxima semana com a presença do futuro Governador.


Perguntas e respostas: sobre o concurso

28/10/2010

A Mari me enviou a seguinte questão:

“Olá a briga da colega iara é individual e acho que não se chegará a resultado algum, washingtono problemaébem maior do que ficar lutando para mudar o edital para a linda iara entrar, muitas entre os 1817, não tem graduação então logo deveriamos estar lutando para chamar o dobro desse numero de vagas pois ,quem não tem graduaçao vai sair fora mais que justo,pois a classificação ficará desfalcada e não tera os de fato 1817. Vc entendeu?

Prezada Mari,

Acho que se a mudança no número de classificados não implicar no cancelamento do concurso nós devemos lutar pela mudança sim. Entretanto, caso esta mudança signifique o cancelamento do processo e o prejuízo para quem foi classificado, penso que não devemos colocar em risco a conquista de quem consegui a classificação.


Minha opinião sobre o aumento de classificados no último concurso da SE

28/10/2010

Pessoal,

Nesta semana a SE se manifestou em relação ao aumento do número de classificados no último concurso. A Secretaria afirmou que aumentar de 15 para 20 vezes o número de classificados em relação ao número de vagas previstas poderá acarretar no cancelamento de todo o concurso. Eu estou tentando confirmar esta informação junto ao Tribunal de Contas e através de pareceres jurídicos.

Antes mesmo de obter informação definitiva quero manifestar a minha posição aqui. Caso seja comprovado que a mudança no edital pode mesmo provocar o cancelamento de todo certame, minha posição é de que não devemos provocar ação jurídica sobre isso. Entretanto, caso fique comprovado que a mudança no número de classificados não implica no cancelamento do concurso, meu compromisso é fazer todo o esforço necessário para garantir o aumento no número de classificados no último concurso.

Esta é a minha opinião.


%d blogueiros gostam disto: