Sinpro e governo se reúnem para discutir regulamentação do Plano de Carreira

FONTE: Sinpro

Durante a tarde dessa terça-feira (28) a Comissão de Negociação do Sinpro e o Governo do DF começaram a discutir os pontos do nosso Plano de Carreira (Lei 5105) que demandam regulamentação. Ao todo foram elencados nove artigos que carecem de regulamentação, além de algumas situações na tabela salarial que devem ser corrigidas para evitar distorções no percentual de reajuste mínimo que deve ser percebido pelo conjunto da categoria.

Confira abaixo os pontos firmados durante a reunião:

 – Os professores que se encontram em estágio probatório já podem solicitar progressão horizontal;

– A Secretaria de Educação do DF encaminhará ofício às regionais solicitando que as escolas encaminhem memorando para a GRGP solicitando a inclusão da GAPED no salário dos professores, que de acordo com o novo plano fazem jus ao seu recebimento;

– Os professores readaptados que não recebiam GAPED, desde que estejam em um espaço com previsão para recebê-la, terão direito ao seu recebimento;

– Os professores readaptados que recebiam a GARC terão a nomenclatura atualizada para GAPED (conforme Plano de Carreira);

– Os professores readaptados que tem GAPED incorporada, desde que exerçam a função que o novo Plano prevê para o seu recebimento, terão a incorporação substituída pelo pagamento integral da GAPED;

CLIQUE AQUI e leia mais

Anúncios

30 Responses to Sinpro e governo se reúnem para discutir regulamentação do Plano de Carreira

  1. JCAS disse:

    E sobre a Licenca Premio?

    Curtir

  2. Valeria disse:

    E sobre a licença prêmio?

    Curtir

  3. LOLO disse:

    WD, e em relação a gratificação do SEAA e SAA? …

    Curtir

  4. Robson Leite cef 24 de ceilandia disse:

    Boa noite Washington, há algum tempo acompanho com respeito e admiração o seu trabalho.Sempre acreditei nas informações postadas neste blog. E hoje fui apanhado por um sentimento de frustração ao acessar meu contracheque e descobrir que o meu aumento salarial foi de -0,83%, ou seja, depois de mais de cinquenta dias de greve e intermináveis reposições aos sábados descobri que o meu salario diminuiu. O triste é que em nenhuma tabela do sinpro ou no simulador, este decréscimo salarial apareceu. Depois de ver o contracheque verifiquei que o simulador do sinpro apresenta um valor diferente daquele de antes. FRUSTRAÇÃO.

    Curtir

  5. Profeputoputista disse:

    Nesse governo de patetas, tudo é possível!

    Curtir

  6. Mário disse:

    WD,
    Qual o objetivo da construção da ficha proficiográfica? Está relacionada com progressão, concurso público?

    Abraços!

    “Será formado um grupo de trabalho (GT) formado pelo Sinpro e (grupo de trabalho) paritário entre o Sinpro e o GDF para elaboração e discussão da ficha proficiográfica dos professores e professoras”. Site do SINPRO.

    Curtir

  7. Robson Leite cef 24 de ceilandia disse:

    Para não ficar negativo eles criaram um VPNI de 24 reais. O interessante é de que nenhuma tabela do sinpro previa aumento negativo ou igual a zero.

    Curtir

    • Robson,

      O que foi feito não foi um reajuste linear, mas uma reestruturação da carreira. Então, como são centenas de situações diferenciadas, é possível que problemas assim ocorram. Estamos trabalhando para corrigir e reafirmamos que nenhum professor ficará com menos de 23,73% de reajuste neste período.

      Curtir

  8. Professor Indignado disse:

    Só pode ser brincadeira, não entendi ainda esta incorporação da Tiden, analisem comigo, se o percentual da Tiden era de 50% sobre o vencimento em fevereiro e passou para 30% em março, então deveriamos ter essa diferença de 20% a menos na tidem incorporada a mais no vencimento de março, mas não foi o que aconteceu, acabei de ver meu contra cheque de maio e o novo vencimento, não é igual ao vencimento de fevereiro mais 20% da tidem (que foi o percentual tirado da tiden a partir de março) que deveria ter sido incorporado mais os R$ 59,87 ( parcela individual).
    Fazendo os cálculo percebi que o erro esta justamente ai, meu vencimento aumentou 15% só que foram retirados 20% da tidem por isso ficou aquem das nossas expectativas o aumento, o que imagino é que talvez o governo tenham jogado sujo conosco essa diferença entre o aumento no vencimento(15%) e o desconto da tiden (20%) que nos meus cálculos é de 5%, ele o governo, pode afirmar que esta sendo dado com o acrescimo que vamos ter quando as demais gratificações incidirem sobre o novo aumento, mas se isso for como estou imaginando é muita, muita sacanagem.
    Só serão beneficiados, aqueles professores que tem varias gratificações, como a GAL, GAEE, a de Zona Rural, e outras que não lembro, quem recebe só a GAPED saiu no prejuizo, mas quem nem essa recebe praticamente não vai ter aumento

    Curtir

    • Professor,

      Estamos verificando todas as incoerências para buscar a solução. Se você puder enviar para meu email os dois contracheques citados (sem identificação) para fazermos uma análise, seria muito bom.

      Curtir

  9. JCAS disse:

    E sobre a licença prêmio?

    Curtir

  10. Diego Galeno disse:

    WD, você tem respondido que os contracheques estão errados mas o que será feito para corrigi-los? Cada professor tem que tomar uma medida individualmente ou o SINPRO que irá resolver isso?

    Curtir

    • Diego,

      Tenho respondido que há a possibilidade de erro. E que a SEDF garantiu que está corrigindo, portanto, neste momento ainda não há a necessidade de repag

      Curtir

      • Diego Galeno disse:

        Repag?

        Curtir

      • drica disse:

        Desculpas WD, quem fez os cálculos foi o governo que por sua vez repassou para a SEDF. Quem tem que resolver essa situação de erros é o SINPRO que fechou o acordo com o GDF. Não é justo o professor se estressar pq houve redução no seu salário, o que não é permitido por Lei.
        Se houve erros na folha de pagamento não cabe ao professor corrigir as falhas e solicitar a devolução do que foi retirado do seu salário e sim: GOVERNOxSINPROxSEDF.
        A Unidade 2 com certeza, não vai ter competência a curto prazo para resolver milhares de repag, considerando que somos quase 43 mil servidores da SEDF.

        Curtir

  11. Francisco Thiago Silva disse:

    E quando afinal, nós afastados para estudo passaremos a receber de volta e integralmente a GAPED?

    Curtir

  12. FABIANA GODOI disse:

    Boa noite!
    Esta certo o aumento de R$0,51 centavos na hora aula dos contratos de atividades?

    Curtir

  13. ANA PAULA disse:

    WD, me tira uma dúvida: Ainda vão atrasar a nossa progressão em função dos atestados médicos? Pq era p eu tá no anuênio 15 e padrão 17. Estou parada no 13 e padrão 16.Meu contra-cheque consta todos os valores pelo padrão 16, mas o anuênio está abaixo do valor, ou seja calculado por 13 anos e não 15, tempo de serviço na SEE/DF, ou pelo tempo do padrão, conforme as outras gratificações. Entendeu? O q o SINPRO fará em relação a esse atraso de tempo de serviço e padrão? É o fim, parar o tempo, pq adoecemos e precisamos ficar afastados, com isso qto de dinheiro estamos perdendo!

    Curtir

  14. Danielle disse:

    Alguma coisa para os Orientadores?
    Algo a respeito da aposentedorua especial está sendo feito?
    Gratificação de ensino especial?
    Lembren-se que somos parte do SINPRO.

    Curtir

  15. kaká disse:

    Wd, Bom dia!
    Como vamos saber o certo se quando fazemos a simulação dá um valor e quando olho na tabela o valor é outro? Meu padrão é 14.

    Curtir

  16. lucélia fernandes dias disse:

    Por que não responde sobre licença prêmio?

    Curtir

  17. Alessandra disse:

    Olá wd! Os professores em estágio probatório terão progressão vertical?

    Curtir

  18. Vine disse:

    WD, quando será possível tratar do pagamento da GAEE para todos os professores que dão aula para os alunos portadores de necessidades educacionais especiais? Atualmente, essa gratificação é paga para os professores que atuam em CEE e nas salas de recursos. O que considero extremamente injusto, pois os professores regentes têm mais contato com esses alunos do que os professores das salas de recursos. A t

    Curtir

  19. Vine disse:

    A tal da “inclusão” aconteceu sem que nós tivéssemos nenhum preparo para isso e quem quiser fazer um trabalho decente que corra atrás de cursos, livros etc. E a promessa de rever essa situação foi feita pelas duas chapas. Vê lá hein! Espero que não tenha sido só promessa de campanha. Essa questão tem que ser revista o mais rápido possível.

    Curtir

  20. Rodrigo alves de oliveira disse:

    A progressão vertical que poderia ser solicitada depois do estágio probátorio no caso 3 anos após o ingresso na secretaria no novo plano so pode ser solicitada depois de 5 anos?

    Curtir

Comente

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: