Decreto não mudou data de pagamento do 13º salário dos servidores do GDF

No DFTV 1ª Edição desta terça-feira o apresentador citou que um decreto do Governo anterior havia mudado a data de pagamento do 13º salário dos servidores públicos do Governo do Distrito Federal, deixando de ser na data de aniversário. Com base neste decreto, a Secretária de Planejamento da nova gestão do Buriti afirmou que pelo menos até julho deixaria de pagar o 13º na data de aniversário.

Ocorre que o Decreto nº 35.943, depois alterado pelo Decreto nº 36.032, de 20 de novembro de 2014, não ALTEROU  a data de pagamento do 13º salário dos servidores públicos. Na verdade, o dispositivo vedou ADIANTAMENTO, sem mexer em sua data de pagamento. Veja:

DECRETO Nº 36.032, DE 20 DE NOVEMBRO DE 2014.
Dispõe sobre normas e medidas de contenção de despesas no âmbito do Poder Executivo
e dá outras providências.
O GOVERNADOR DO DISTRITO FEDERAL, no uso das atribuições que lhe conferem os
incisos VII e XXVI, do art. 100, da Lei Orgânica do Distrito Federal, DECRETA:
Art. 1º É vedado a todos os órgãos e entidades da Administração Direta e Indireta do Poder Executivo, dependentes do Tesouro Distrital, inclusive os custeados com recursos do Fundo Constitucional do Distrito Federal – FCDF, deferirem e realizarem novos empenhos e compromissos de despesa com hora extra, gratificação de serviço voluntário, diária, passagem, periódico, capacitação de pessoal, ampliação de carga horária, concessão de abono pecuniário, adiantamento de férias e de 13º salário, ressalvado o previsto em acordos coletivos de trabalho.
…”

A norma que estabelece a data de pagamento do 13º salário no mês de aniversário do servidor é a Lei Complementar 840/2011:

Art. 93. O décimo terceiro salário é pago:

I – no mês de aniversário do servidor ocupante de cargo de provimento efetivo, incluído o requisitado da administração direta, autárquica ou fundacional de qualquer Poder do Distrito Federal, da União, de Estado ou Município;

II – até o dia vinte do mês de dezembro de cada ano, para os servidores não contemplados no inciso I.

§ 1º No mês de dezembro, o servidor efetivo faz jus a eventuais diferenças entre o valor pago como décimo terceiro salário e a remuneração devida nesse mês.

§ 2º O Poder Executivo e os órgãos do Poder Legislativo podem alterar a data de pagamento do décimo terceiro salário, desde que ele seja efetivado até o dia vinte de dezembro de cada ano.

Repito: o decreto veda o “adiantamento”, mas não muda a data de pagamento prevista na LC 840/11. Já o parágrafo segundo do artigo 93 da LC 840 abre a possibilidade de alteração da data de pagamento do 13º salário, o que exigiria uma citação expressa em decreto do Governo, coisa que não foi feita.

Portanto, o Governo Rollemberg se quiser alterar a data de pagamento deste direito terá que publicar um dispositivo legal para tanto, arcando com pesado custo político.

Enquanto isso a Secretária Leany Lemos incorre em grave erro ao dizer que o pagamento de 13º no mês de aniversário é ADIANTAMENTO. A lei é clara e estabelece que a data de depósito deste direito é no mês de aniversário do servidor, conforme inciso I, do artigo 93, da LC 840/2011.

A verdade tem que ser dita!

.

Washington Dourado

.

Visite e curta Fan Page do WD:

https://www.facebook.com/washington.dourado?ref=tn_tnmn

Anúncios

13 Responses to Decreto não mudou data de pagamento do 13º salário dos servidores do GDF

  1. JÁ DA PRÁ VER A CAPACIDADE DESTA SECRETÁRIA NÉ…CONFUNDINDO ALHO COM BUGALHO !!!

    Curtir

  2. Meu Deus, o que será de nós??? A classe mais desvalorizada deste país. Que país é esse???

    Curtir

  3. Adiantamento uma ova! Cumpra a lei governador! e a nova Câmara Distrital nao fala nada não?!

    Curtir

  4. drica* drica disse:

    Adiamento (notícia no portal do Correioweb)
    A principal ameaça da categoria é referente ao retorno das aulas deste ano. As escolas públicas do DF começariam em 9 de fevereiro, mas, sem pagamento….(segue)…A Secretaria de Educação divulgou nota informando que uma reunião será realizada às 17h de hoje para decidir o que pode ser feito a fim de evitar a situação.

    “Evitar a situação” é pagar nossos salários até dia 08/01…caso isso não ocorra…cada dia de retenção, vai prorrogar o ano letivo e fim de conversa. O Sinpro, deve entrar com uma ação de perdas e danos ao servidor, independente se formos pagos ou não. Caso contrário vamos viver nessa instabilidade com salários.
    O novo secretario, não tem força para nada, portanto o Sinpro deve ficar atento com qualquer negociação. Ele já tinha confirmado o 13º e não deu em nada.

    Curtir

  5. Edileuza Lopes disse:

    Prezado WD…sou efetiva e de janeiro. Estive ontem no BRB e ouvi do Gerente que não haverá mais o depósito de 13º no mês do aniversário. O fato é que muita gente já adiantou esse 13º. O SINPRO tem que colocar essa situação na reunião com o GDF e oficializar pois como pagaremos essa dívida ao BRB?

    Curtir

  6. Wd, como é sabido por você, estudante de direito, lei complementar só pode ser alterada por lei complementar. Decreto do poder executivo não tem tal poder. Caso os assessores de RR não saibam disso sugiro que ele recorra a pessoas mais qualificadas. Sei que você também conhece o instrumento da ARO (antecipação da receita orçamentária) se a equipe que dá suporte ao atual governo não conhece penso que eles não têm condições de governar a capital do país.

    Curtir

  7. Segundo o noticiário o pagamento está previsto para o dia 08/01 e ainda não vimos a nossa folha, quando veremos a folha de pagamento referente ao mês, a única que está lá é a do 13º. Onde saberemos o que temos a receber, porque trabalhamos, assinamos folhas de ponto. Alguém pode responder esta questão?

    Curtir

  8. Se o governo mudar a data do pagamento, o BRB também vai mudar as datas das cobranças de contas?

    Curtir

  9. Cadê o contracheque das férias??? Nem isso esse bando de incompetentes conseguem fazer??? O $ será depositado no dia 31.fev?GREVE, GREVE, GREVE…

    Curtir

  10. Vamos as ruas pessoal, sugiro sexta feira se nãos cair em nossas contas tudo o que que nos deve, efetivos e temporários. Rollenberg foi eleito e assumiu agora é com ele, se tomou posse sabia, então vamos a luta, vamos ao buriti. Corja de Agnelo também é corja de Rolenberg.

    Curtir

  11. gina lima disse:

    eeeeeeeeeeeeee-´/

    Date: Wed, 7 Jan 2015 01:08:06 +0000 To: erginaslima@hotmail.com

    Curtir

Comente

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: