GDF chantageia os servidores: ou aprova o remanejamento de recursos do IPREV ou não tem pagamento

O Governo do Distrito Federal já deixou claro: ou aprova o remanejamento de recursos do IPREV ou não terá recursos para pagamento dos salários dos servidores públicos a partir de outubro. Ou seja: uma chantagem!

A verdade é que ninguém, a não ser o próprio Governo, tem acesso aos dados para confirmar esta situação colocada. Por outro lado, sabemos que a arrecadação de tributos poderia ser muito maior se o imobilismo do atual Governo não tivesse refletindo negativamente em todos os setores econômicos do DF.

Por outro lado, parece que parte do movimento sindical já se convenceu desse argumento Oficial e começa a declarar apoio ao projeto de saque de recursos do IPREV sob algumas condições, por exemplo: se o Governo der “garantias” de devolução dos recursos ou garantir o pagamento dos reajustes previstos.

Sobre a devolução dos recursos remanejados me parece até ingenuidade, pois se o Governo está com dificuldades agora, imagine daqui há alguns anos. Quanto a garantia de pagamentos dos reajustes, o  GDF também esclareceu aprovada a possibilidade de remanejamento de recursos, estes serão utilizados para garantir o pagamento dos salários até o fim do ano, descartada a possibilidade de utilizar para pagamento dos reajustes.

A tarde de hoje promete ser longa e tensa.

.

Washington Dourado 

Anúncios

5 Responses to GDF chantageia os servidores: ou aprova o remanejamento de recursos do IPREV ou não tem pagamento

  1. Washington,
    Você é o típico sindicalista que não se compromete com nada. Técnicos da Casa Civil e da área de gestão afirmam que não tem recursos para efetuar o pagamento dos salários. Ou seja, não é só o governador quem diz, são pessoas que trabalham na área.
    O governado Agnelo também atrasou o pagamento em função da Lei de Responsabilidade Fiscal. Ficamos sem receber o pagamento e um terço da férias. Muitos não acreditavam que isso ocorreria. Mas uma colega que trabalha como gestora no GDF e a noite era coordenadora no CEM 01 de São Sebastião informava que não havia recursos para quitar a folha de pagamento de Dezembro de 2014. Ela estava certa.
    A questão do fundo de previdência do DF não se assemelha com o que ocorreu no Paraná. O governador deverá se comprometer em acertar a dívida dentro de um prazo determinado. Os órgãos gestores e o ministério público devem acompanhar essa questão. Não é o fim do mundo.
    Outra questão, o sindicato dos professores tem como fazer debates sobre o tema, consultar trabalhadores na área de gestão e conversar abertamente sobre o tema. Qual o receio de fazer isso? Por que não aprofundar o debate sobre economia. Caso a economia fique em Recessão a arrecadação tende a cair, os recursos das áreas de saúde e educação podem minguar. O que fazer??

    Curtir

    • De repente some todo o dinheiro do GDF. Impressionante como existe pessoas que estão apanhando e ainda aplaude. Temos que pensar no futuro e não apenas nos salários de Outubro, Novembro e Dezembro.O SINPRO tem que entrar imediatamente com uma ADIN contra esse assalto que o desgoverno Rollemberg tenta aplicar.

      Curtir

      • Enquanto isso o SINPRO mantem um silêncio bastante parecido com a derrota. Viva a câmara legislativa, viva o chico da vigilância, o chico dos leites, a sandra nos fará ( MAL ) e outros algozes.

        Curtir

  2. […] Fonte: GDF chantageia os servidores: ou aprova o remanejamento de recursos do IPREV ou não tem pagamento […]

    Curtir

  3. Lucas Alves disse:

    WD como ficou a questão da gratificação natalícia dos professores que entraram na SEEDF em Julho de 2014 e recebeu a gratificação proporcional aos meses de trabalho no ano de 2015? Por exemplo quem fez aniversário em abril recebeu proporcional aos 4 meses de trabalho em 2015. Aguardo resposta.

    Curtir

Comente

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: